Servidores de Saltinho recebem reajuste de 4%

Os servidores municipais de Saltinho que  participaram da assembleia geral da campanha salarial no dia 11 de março no Cras do município, aprovaram a proposta que foi encaminhada ao Executivo de 4% de reajuste inflacionário e R$ 100,00 de aumento no vale de alimentação,  apesar da média dos índices oficiais IPCA (IBGE), INPC (IBGE), ICV (Dieese), IPC (Fipe), ser de 3,85%. A assembleia foi conduzida pelo vice presidente, José Alexandre Pereira, pelo secretário geral, José Valdir Martins, pela diretora de Saltinho, Elisangela Tenca Camilli e pela advogada, Juliana Cordeiro.

A Administração de Saltinho enviou um ofício ao Sindicato dos Municipais, respondendo positivamente a solicitação da proposta dos servidores, que foi a concessão dos 4% de reposição inflacionária. Com relação ao vale alimentação, a administração concedeu o aumento de R$ 20,00, que se equivale a 4,34% de reajuste passando para R$ 480,00, mensais.

Sobre este assunto, o Sindicato dos Municipais, em seu programa “Gabinete de Gerenciamento de Crise” na 34ª edição, no dia 22 de abril, o diretor do Sindicato dos Municipais, William DeLima, fez uma entrevista ao vivo da prefeitura de Saltinho, com o prefeito Carlos Alberto Lisi, na presença também do assessor de imprensa da administração, Daniel e do diretor do departamento administrativo, João Marcelo Agostini.

O prefeito afirmou, que a administração atendeu ao pedido dos servidores sobre a negociação salarial. “Sempre tivemos um diálogo muito franco e honesto com o Sindicato, antes da pandemia já havíamos discutido. Dentro da possibilidade orçamentária, a gente faria esse reajuste”, declarou Lisi.

Segundo o prefeito, graças ao trabalho desenvolvido pelos servidores de sua equipe foi possível em sua gestão contemplar o funcionário com este valor do vale alimentação. “Frente a uma pesquisa e levantamento, o nosso cartão é o melhor da região. Tudo isso conseguimos em um trabalho de responsabilidade administrativa. Tenho muito que agradecer a equipe que trabalha comigo, que não é política e sim técnica, com um comprometimento de realizar nestes quatro anos, os aumentos salariais, isso é o mais importante”, destacou.

A administração também falou do pagamento 50%, do 13º salário que foi pago em 17 de abril e a implantação dos EPIs (Equipamento de Proteção Individual) em todo o funcionalismo, dando condições e segurança ao trabalho, para desenvolver a cidade.

A diretoria do Sindicato dos Trabalhadores Municipais vem trabalhando desde janeiro com a projeção dos índices, e mantendo contato com a administração municipal para viabilizar a reposição inflacionária do período, a possibilidade de aumento real e reajuste no vale alimentação. Esta proposta foi aceita e após sanado esta situação de pandemia será realizada ad referendum, pois não foi possível a realização da assembleia geral da categoria, marcada para o dia 23 de março, para ratificar a decisão da diretoria.

“É de suma importância esse diálogo e acompanhamento orçamentária, pois desta forma podemos levar a categoria a situação econômica do municípios bem como a possibilidade de tirarmos uma proposta que venha atender o servidor público e consequentemente atingir os objetivos da categoria, que são melhores salários, condições de trabalho e principalmente garantir a manutenção das conquistas da categoria”, salientou o vice presidente do Sindicato, José Alexandre Pereira.

 Para a diretoria da entidade, a contemplação do reajuste para os servidores de Saltinho, foi um avanço muito grande para a categoria considerando o estado de calamidade pública com relação ao Covid-19, e mesmo assim, foi possível manter os salários dos servidores no mínimo, com a reposição do poder aquisitivo.

Durante a entrevista, no quadro “Deixe seu Like”, foi mostrado também que em meio a pandemia que envolve os municípios, Saltinho não conta com casos de coronovírus e isso, segundo o prefeito Lisi, se deve a colaboração e respeito da população.

 



VOLTAR

NOTÍCIAS Relacionadas